Twitter

Twitter
Follow me | Sigam me

Pesquisar este blog

TimeZone

Brasil, terra de avivamento,

sábado, 17 de dezembro de 2011

Uma canção (nada) clichê

Domingo. Mais um. Apenas mais um. Como todo outro domingo é. Você escolhe uma roupa bonita, e vai para o mesmo ponto de encontro de sempre. Você vai à igreja. Cumprimenta os irmãos da recepção, dá um alô para o pastor, encontra os amigos e sentam todos juntos. Começa mais uma vez, um culto.
Você já sabe de cor o que vai acontecer, quantas músicas vão tocar até o dízimo, quantas até a pregação. Sabe que vídeo especial vai passar, e quem vai pregar. Nada do que acontece ali é novo para você, exceto a cor de cabelo da mulher do pastor. Por um lado você sabe que criou uma barreira fria e consistente de gelo em volta do seu coração, por outro, você sabe a que isso pode te levar. Começa o louvor. A mesma frase de abertura da semana passada, o mesmo ministro, os mesmos vocais, as mesmas músicas, exceto uma. E ahh, essa você sabe cantar sem colar.
“Mas ela parece estar diferente! Eu já a conheço, mas é como se a cantasse a primeira vez. Cada frase arde dentro de mim, cada palavra parece soar com mais força. Que fogo é esse que parece me incendiar, que parece derreter meu coração congelado pela mesmice religiosa? Mas, esse eu conheço. Eu já o vi. Esse ainda é o mesmo”- você pensa.
E só um refrão ecoa na igreja e arde em você:
“Espírito, Espírito, que desce como fogo. Vem como em pentecoste e enche-me denovo”.
Você percebe que ela não é uma canção clichê. Há uma mensagem nela, uma verdade, uma só realidade.


Eu saquei. Só terei garra para enfrentar esse mundo a fora, e conquistar as pessoas para o“Deus da minha vida, que me compreendeu sem nenhuma explicação”, se eu for cheio desse Espírito que tanto estou “acostumada” nas mesmices, nas rotinas de domingo. Incrível como Ele é o mesmo, o mesmo que te aceitou, o mesmo que desceu sobre você a primeira vez, e terá prazer de te encher denovo. Ele não negará o Espírito Santo a todos quanto o pedirem.
Não deixem que os anos te ceguem, que você não sinta mais a presença de Deus nos detalhes com o passar do tempo. Não morra espiritualmente. Não rejeite o Espírito que deseja descer sobre vocês todos os dias.


Antes que a indiferença e a frieza apaguem a chama que arde em seu peito, antes que a humildade ceda e o orgulho te domine, antes que seja tarde, clame, cante de coração a canção que para tantos é clichê!
Em amor,



Direitos: @CamilaZaponi
Juventude na Rocha

terça-feira, 22 de novembro de 2011

Será que você é um seguidor de Jesus?

Será que você é um seguidor de Jesus?




Disse o Mestre um dia: Quem quiser vir após mim negue-se a si mesmo, tome a sua cruz e siga-me.
Pense, você tem feito discípulos parecidos com você ou com Jesus?
Você é um solucionador de problemas em sua igreja ou apenas mais um dando trabalho?
Você discipula constantemente ou tem discípulos apenas para fazer número e mostrar para os outros que você pode e nunca pra você mesmo que é capaz?
Você é discipulado mesmo ou apenas visita seu discipulador para uma conversa informal básica?
Quando você ora por alguém, de fato você crê no que ora ou apenas ora pra ver no que vai dar?

Não tenha medo de fazer discípulos ou de se parecer com Jesus. Não tenha medo se falarem contra você ou criticarem, não é a você que fazem, mas à Deus. Se afligirem sua vida, ministério ou família, tenha calma, Deus é justica em sua vida e a justica é dEle.
Corra atrás dos sonhos de Deus, pois se Ele escolheu você para tal obra é por que você tem muita moral com Ele, ou seja, meu irmão, minha irmã, você é bem famoso no céu e no inferno!
No céu, por que é amigo e conhecido de Deus, no inferno, por que alguns seres ali não gostaram nada desse seu título dado por Deus, Um Filho de Deus, um Feitor da Historia.

Saia do comum, arrisque sair das 4 paredes, Há muito mais trabalho lá fora do que dentro um de confortável palácio de comidas, bebidas e pessoas para lhe abraçar ou paparicarem você favorecendo lhe tentacões.
Muitos não tem e nem fazem discípulos por medo de perderem seus títulos, postos, ou medo de não ficarem mais em evidência no altar ou para um grupo seleto de pessoas bajuladoras e mal sabem que para Deus, o Senhor não passam de meros expectadores da Sua glória, meros observadores da Sua obra evangelizadora através da vida de um irmão ou irmã voltados para Seus anseios, Suas idéias e vontades. Sim, por que para muitos cristãos, digamos, cristãos velhos de igreja, se não estiverem num altar, numa plataforma em evidencia, Deus não se manifesta, o vaso quebra, o poder não vem, não funciona, não se sentem mais crentes.
Meu querido você sabe onde o Senhor quer mais usá-lo? É lá fora, no mundo , no meio dos que vivem em trevas para você ver que já e luz, para fazer a diferença, por que é ali que Deus quer colocá-lo e não num altar ou plataforma subindo sem entendimento usurpando Sua gloria, escondendo-se atrás de seu instrumento ou duma bela voz enganando-se mais uma vez. 

Por que a vontade de Deus e que todos cheguem ao pleno conhecimento da Verdade e a Verdade é Jesus. Então, entenda você está correndo risco, saia do raso, saia do superficial e mergulhe com confiança no Senhor. Pregue a palavra aos que não conhecem ou apenas ouviram falar de Jesus. Arrisque e mostre pra si mesmo que é capaz. Seja seguidor de Jesus e pregue o evangelho da salvação. Pessoas assim que se enganam estar seguindo Jesus apenas sentem as águas do Espírito em seus tornozelos e nunca se arriscaram a ir mais fundo nas correntes das águas profundas, mais fundo na intimidade por que já nem sabem que quebraram o elo de amizade com o Senhor!
Pense bem, há quanto tempo você não houve a voz de Deus? Ou talvez nunca tenha aprendido a ouvir. Esta tão cheio de “achismos”, estudos e conhecimentos humanos enfadonhos que apenas servem do prazer para ego do que do conhecimento de Deus, que se confunde com uma voz estranha e pensa que de fato é de Deus, um “revelamento” e acha que é uma revelacão, um irmão ou irmã orar em línguas ou ser usado para curar alguém e já acha que ele ou ela e o cara. 

O manifestar do poder de Deus através do homem não significa que Ele está aprovando atitudes, tem a ver com sua soberania: Ele usa quem Ele quer e como quer. Um dia prestaremos todos contas à Ele sobre tudo.
Entenda não é você mas sim, Jesus. Tudo é para Ele, por Ele e por causa dELe Rm 11:36.
Disse Jesus: Nisto meu Pai é glorificado em que deis muitos frutos e vosso fruto permaneça. Jo 15




Deus abençoe você

Nilson M Ribeiro
MVT

quarta-feira, 16 de novembro de 2011

Músicas belas, corações hipócritas!

“E ele (Jesus), respondendo, disse-lhes: Bem profetizou Isaías acerca de vós, hipócritas, como está escrito: Este povo honra-me com lábios, mas o seu coração está longe de mim” (Marcos 7.6).

No texto de Marcos 7.6, constatamos que os fariseus cometiam o pecado do legalismo. Isto quer dizer que eles substituíam com palavras e práticas externas as atitudes internas requeridas por Deus oriundas do “novo nascimento”. Eles falavam palavras sábias e agiam como pessoas justas, mas sua motivação não partia do desejo sincero de obedecer e agradar a Deus. Neste episódio, os fariseus foram chamados hipócritas, isto é, atores, fingidos religiosos, dissimulados. Era assim que Jesus freqüentemente os considerava.

Ainda nos falta sensibilidade e discernimento para detectarmos o terrível erro do legalismo dentro de nossas igrejas. Se olharmos atentamente para os nossos atos de adoração, constataremos sem empecilhos a presença de exageros, mentiras, declarações inconseqüentes etc. Um bom começo é olhar as músicas que estão sendo cantadas. Já foi dito que as canções que entoamos nos cultos são por demais fantasiosas. Muitas falam de coisas que dificilmente serão postas em prática. São promessas que não serão cumpridas, declarações que não são verdadeiras, pedidos que não representam a vontade de Deus etc. Vamos citar um clássico exemplo. Responda-me com sinceridade: Você poderia viver perfeitamente o que a música abaixo o força a prometer?:

Eu nunca desanimarei, Eu nunca deixarei de confiar em Ti, Sempre estarei em oração Senhor, Minha fé nunca será abalada...

Será que quando um cristão canta esta música, ele está ciente das lutas, tribulações e dúvidas que enfrentará? Será que o cristão continuará firme em oração até o final de seus dias? Será que manterá a promessa de persistir em oração por toda a sua vida? Outro exemplo:

Vivemos em total comunhão, Aqui não existe mágoa, rancor, tristeza, Porque somos totalmente unidos, No amor de Cristo...

Será que estamos preparados para entoar canções como estas em nossas igrejas, sem que um ou outro irmão cante de forma enganosa? Será que realmente não existe mágoa ou tristeza no Corpo de Cristo? Vivemos realmente em total comunhão?

Caro leitor, vale dizer que o problema maior não é as músicas que cantamos, mas a vida que levamos. Isto porque em muitas ocasiões nossa vida não sustenta as palavras que cantamos, ou o sermão que pregamos. É aí que mora o perigo; é aí que está o real problema.

Evidentemente creio que fazemos isto não porque desejamos conscientemente enganar a Deus. Contudo, às vezes falamos a Deus aquilo que achamos que ele quer ouvir, e não o que realmente está em nosso coração. Sem dúvida alguma isso é um tipo de engano. Por isso estes questionamentos acima são extremamente sérios e devem ser tratados com atenção e reflexão. Não estou dizendo que devemos parar de cantar tais tipos de músicas, mas digo que devemos ensinar e ajudar nossos irmãos a viverem os ensinamentos cristãos que estamos cantando.

Às vezes, quando cantamos, oramos ou pregamos, estamos fazendo promessas a Deus sem perceber. Contudo, muitas dessas promessas nunca serão cumpridas. Quantas delas já foram esquecidas? Neste ponto devemos tomar cuidado! Quando lemos o livro de Deuteronômio, vemos que Deus não se agrada deste tipo de atitude:

Quando fizeres algum voto ao Senhor teu Deus, não tardarás em cumpri-lo; porque o Senhor teu Deus certamente o requererá de ti, e em ti haverá pecado. (Deuteronômio 23.21)

O capítulo 30 de Números deixa claro que Deus requeria do seu povo o cumprimento das promessas feitas a Ele. Deus fez os israelitas verem a seriedade de um voto ou promessa, e mostrou que a falsidade, a mentira e a hipocrisia não têm lugar entre o Seu povo. Que esta lição possa valer para nós atualmente!


Um abração em Cristo Jesus
Ramon Tessmann
http://www.ramontessmann.com.br
ramon@vidanovamusic.com

(Cobertura Espiritual do Ministério Voltados Para Tí)
http://www.voltados.com

17 DICAS PARA OS MÚSICOS

17 Dicas para os Músicos

1- O músico precisa aprender a se MIXAR no grupo, aprender a ouvir os outros instrumentos, afinal, é um conjunto musical.
2- Todo músico deve treinar PRÁTICA DE CONJUNTO se quiser amadurecer mais rapidamente.
3- A TEORIA MUSICAL é fundamentalmente necessária, mas entre a teoria e a prática há uma distância que poucos querem percorrer.
4- “Um bom médico não é aquele que receita um remédio sem saber o que está fazendo. Um bom músico não é aquele que TOCA SEM SABER O QUE FAZ.”
5- AUTODIDATA – Há um engano no uso deste termo, pois há muitos analfabetos musicais dizendo-se autodidatas (uma desculpa para a preguiça). Autodidata é aquele que estuda sem um professor, mas estuda.
6- Uns falam antes de tocar algo, outros TOCAM ANTES DE FALAR ALGO. Eis a diferença entre “músicos” e músicos.
7- O músico deve aprender a conduzir uma MÚSICA COMO ELA É e não como ele acha que deve ser. Isto é MATURIDADE.
8- Há músicas em que o METRÔNOMO só serve para o primeiro compasso, porque necessitam de uma INTERPRETAÇÃO FLEXÍVEL.
9- A PULSAÇÃO RÍTMICA, bem como o andamento, são para serem sentidos e não ouvidos. Este princípio é para todos os músicos, mas fundamental para bateristas e percussionistas.
10- Acompanhar um cântico é antes de tudo uma prática de HUMILDADE E SENSIBILIDADE. Nas igrejas, geralmente, os músicos querem mostrar toda a sua técnica em hora errada. O correto é usar poucas notas, não saturar a harmonia, inserir frases nos espaços melódicos apenas, e o baterista conduzir, ou seja, economize informações musicais.
11- Há uma tendência atual de supervalorizar a VELOCIDADE DO MÚSICO, quantas notas ele executa por tempo. Velocidade não é sinônimo de bom músico. O bom músico é aquele que tem a sensibilidade de fazer a coisa certa na hora certa. A velocidade é uma consequência.
12- A TÉCNICA deve ser estudada e sempre aprimorada, mas lembre-se de que é um meio de facilitar a execução da música e não um meio de EXIBICIONISMO.
13- Uma boa maneira de aprimorar a interpretação é APRENDER PRIMEIRO A SE OUVIR, DEPOIS EXECUTAR. Tem gente que canta e toca e não sabe o que está fazendo; acostume então a gravar o que é executado e seja autocrítico, estude, grave e ouça o que estudou; com o tempo você encontrará a forma ideal para a sua execução.
14- Lembre-se: PAUSA também é música, portanto, “não sole na pausa”.
15- A música possui três elementos básicos: HARMONIA, MELODIA E RITMO. Procure distribuir os instrumentos musicais no arranjo conforme estes elementos. Há instrumentos harmônicos e melódicos, há somente melódicos, há rítmicos e instrumentos que fazem os três, mas defina no ensaio ou arranjo, quais serão os devidos “papéis” para cada instrumento.
16- A ESCOLHA DO TOM DE UMA MÚSICA depende do canto; este deve ser dentro da tessitura vocal e confortável para ela. Mesmo que tom escolhido não seja o mais confortável para o instrumentista ele deve executá-lo. Outra observação é que o tom pode influenciar na sonorização da música vocal com acompanhamento. O problema é que muitos confundem. Na música instrumental, a técnica e a expressão são mais exigidas porque as notas devem transmitir algo. Na música onde há o canto, a ênfase é para a mensagem, portanto, não deve ser interferida por outros elementos.
17- VERSATILIDADE - Procure ser o mais possível. Saiba ouvir vários estilos, do erudito ao moderno, ouça com ouvido crítico e analítico. Saiba ouvir. Extraia coisas boas de cada estilo. Outro detalhe é o músico não ficar “preso” somente ao seu instrumento, saiba apreciar a forma de execução como sonoridade e fraseado de outros instrumentos.
Deus abençoe!

Nilson M Ribeiro
Músico e Compositor

segunda-feira, 14 de novembro de 2011

Um Reino de Sacerdotes

Um Reino de Sacerdotes



Êxodo 19: 05 e 06: “Agora, pois, se atentamente ouvirdes a minha voz e guardardes o meu pacto, então sereis a minha possessão peculiar dentre todos os povos, porque minha é toda a terra; e vós sereis para mim reino sacerdotal e nação santa. São estas as palavras que falarás aos filhos de Israel.”

Sabemos que Deus criou o homem a sua imagem e semelhança e que Ele projetou uma vida feliz e pacifica para o homem! Deus gerou o homem! Quando o homem pecou, ele quebrou uma aliança com Deus!
O pecado maculou o homem, fazendo separação entre o homem e Deus! O pecado degenerou o homem, tirando as características do caráter de Deus e imprimindo no homem as características do caráter de satanás! Deus em sua santidade não podia e nem pode ter comunhão com alguém maculado pelo pecado!
O sacerdócio é a resposta de Deus para o pecado! O sacerdócio é a idéia de Deus para regenerar o homem! Então podemos entender que o sacerdócio traz a regeneração ao homem, ou seja, o sacerdócio traz de volta as características de Deus que o homem havia perdido por conta do pecado! Deus levanta os sacerdotes (homens pecadores) através de um chamamento! No antigo testamento Deus levantou o sacerdócio para que o homem pudesse ter seus pecados perdoados! O sacerdote representava o povo diante de Deus e representava Deus diante do povo! Há no coração de Deus uma sede por ter comunhão com o homem!
O Antigo Testamento é sombra do Novo Testamento! Sendo assim o sacerdócio de Arão era temporal! Mas no mesmo Antigo Testamento lemos sobre Melquisedeque ( Gênesis 14: 18 ), um Rei, Rei de Salem, que significa paz e é a própria Jerusalém! O nome Melquisedeque significa, Rei de justiça.
No livro dos salmos, vemos uma referencia ao Messias, dizendo que Ele seria sacerdote segundo a ordem de Melquisedeque! Jurou o Senhor, e não se arrependerá: Tu és sacerdote para sempre, segundo a ordem de Melquisedeque.( Salmos 110:04 ). Esse afirmativa e repetida nos capítulos 05, 06 e 07 de Hebreus. O sacerdócio Levitico não era perfeito, nem Jesus poderia ser sacerdote, pois Ele era da Tribo de Judá, o sacerdócio de Cristo e eterno e perfeito!
O sacerdócio de Arão era efetuado segundo o homem pecador! O objetivo do sacerdócio sempre foi envolvido com o interesse de um Deus Santo se aproximar de um homem pecador, afim de restaura-lo.
Quando entendemos que em Cristo somos sacerdotes, quando entendemos que esse sempre foi o projeto de Deus, levantar sacerdotes, poderemos entender o que Paulo queria dizer quando fala que fomos reconciliados com Deus e recebemos o ministério da reconciliação! Ele estava falando de nosso sacerdócio! O Ministério da reconciliação é o sacerdócio de todo crente em Jesus!
Deus levanta o sacerdócio como resposta ao pecado! Levantando um Reino de Sacerdotes, Deus estaria trazendo o Seu Reino, através de sacerdotes! Cada líder de célula, cada ministro da casa do Senhor foi chamado para ser sacerdote!
Como isso é tremendo! Quando falamos de família sacerdotal, estamos falando daquilo que foi o plano original de Deus para a vida de Adão e Eva e que eles não quiseram viver! Falar de família sacerdotal é falar do Reino de Deus manifesto na Terra!
Exercendo nosso sacerdócio na família! Exercendo nosso sacerdócio com os nossos filhos! Levaremos a serem sacerdotes! O que é tremendo para nós é que no antigo testamento o sacerdócio se dava por uma linhagem familiar, carnal! Porém o sacerdócio que recebemos de Jesus vem por uma linhagem espiritual, pois Ele nos fez Reis e sacerdotes para com Deus o nosso Pai!

O sacerdócio de Cristo em nossas vidas vem por meio de um chamado! Não é por merecimento humano, ou linhagem familiar, mas por um chamado de Deus! Através do sumo-sacerdote, Jesus, recebemos a reconciliação com Deus, recebendo também o Ministério da reconciliação, ou seja, nos tornando sacerdotes!
Deus tem ministrado muito comigo sobre sacerdócio, e eu preciso restaurar meu sacerdócio em vários lugares, mas a boa noticia e que o Senhor nos disse que não faz nada sem antes comunicar aos seus servos, e se Ele esta nos comunicando e porque na realidade Ele já está fazendo!
Eu tenho certeza que algumas coisas vão acontecer para provar meu sacerdócio, mas o diabo não vai me enganar mais! Sei quem eu sou em deus! Sou sacerdote! Assim também é com você! Não há chamado que não seja provado! A prova no chamado se torna a prova do chamado, ou seja, o respaldo, aquilo que afirma o chamado!
Somos uma geração de sacerdotes e a visão celular e um projeto sacerdotal, pelo qual levantaremos milhares de milhares de sacerdotes, segundo a ordem de Melquisedeque! Segundo a linhagem espiritual que temos em Cristo!
Há muito o que estudar sobre sacerdócio, mas o entendimento que recebi, quando recebi o rhema sobre o sacerdócio, entendi que o sacerdote é o reconciliador do povo com Deus, então pude entender o porque do sacerdócio!
A idéia de Deus é pegar o homem pecador, perdoá-lo em Cristo, Nosso Sumo-Sacerdote e depois transformar esse homem restaurado em um sacerdote, ou seja, alguém que também irá reconciliar pessoas com Deus, levantando um Reino de sacerdotes!
A vontade de Deus é restaurar nosso sacerdócio, para que o Seu Reino venha a Terra!
Quando nos tornamos sacerdotes, entendendo o que isso significa, levantamos outros sacerdotes!
Vamos encher nossa cidade de sacerdotes! Nossas famílias, nossos filhos, nossos discípulos precisam entender a sua função sacerdotal que e o que Paulo chama de ministério da reconciliação! (2 Corintios – 5: 18).
“A vós também, que noutro tempo éreis estranhos, e inimigos no entendimento pelas vossas obras más, agora contudo vos reconciliou No corpo da sua carne, pela morte, para perante ele vos apresentar santos, e irrepreensíveis, e inculpáveis.” ( Colossenses 1:21 e 22 ).
Antes afastados de Deus, agora santos, irrepreensíveis e inculpáveis, ou seja, nos apresentar como sacerdotes! Seja canal de Deus para vidas! Isso e ser sacerdote!
“E nos fez reino, sacerdotes para Deus, seu Pai, a ele seja glória e domínio pelos séculos dos séculos. Amém.” ( Apocalipse 1:06).

sexta-feira, 2 de setembro de 2011

Velox?!!!!! Uruguay x EUA?!!! - Resultados da Localização de um IP e suas relevâncias no Brasil.

Resultados da Localização de um IP e suas relevâncias no Brasil. A velox pega banda do Uruguay?

Host : 201.51.59.***

Result : Succeeded
Country : Uruguay
Code : UY
State (US only) :
Entries : 0
IP Address : 201.51.59.***
Host Name : 20151059***.user.veloxzone.com.br

----------------- Info --------------


#
# Query terms are ambiguous. The query is assumed to be:
# "n + 201.51.59.***"
#
# Use "?" to get help.
#
#
# The following results may also be obtained via:
# http://whois.arin.net/rest/nets;q=201.51.59.***?showDetails=true&showARIN=true
#
NetRange: 201.0.0.0 - 201.255.255.255
CIDR: 201.0.0.0/8
OriginAS:
NetName: LACNIC-201

NetHandle: NET-201-0-0-0-1

Parent:

NetType: Allocated to LACNIC

Comment: This IP address range is under LACNIC responsibility

Comment: for further allocations to users in LACNIC region.

Comment: Please see http://www.lacnic.net/ for further details,

Comment: or check the WHOIS server located at http://whois.lacnic.net/

RegDate: 2003-04-03


Updated: 2010-07-21


Ref: http://whois.arin.net/rest/net/NET-201-0-0-0-1
OrgName: Latin American and Caribbean IP address Regional Registry
OrgId: LACNIC
Address: Rambla Republica de Mexico 6125 -- Velox?
City: Montevideo
StateProv:
PostalCode: 11400
Country: UY
RegDate: 2002-07-27
Updated: 2007-01-09


Ref: http://whois.arin.net/rest/org/LACNIC
ReferralServer: whois://whois.lacnic.net
OrgTechHandle: LACNIC-ARIN
OrgTechName: LACNIC Whois Info
OrgTechPhone: 999-999-9999
OrgTechEmail: whois-contact@lacnic.net
OrgTechRef: http://whois.arin.net/rest/poc/LACNIC-ARIN
#
# ARIN WHOIS data and services are subject to the Terms of Use
# available at: https://www.arin.net/whois_tou.html
#

quarta-feira, 24 de agosto de 2011

12 VERDADES QUE TODOS OS HOMENS GOSTARIAM QUE AS MULHERES SOUBESSEM

12 VERDADES QUE TODOS OS HOMENS GOSTARIAM QUE AS MULHERES SOUBESSEM





1. O homem se conecta emocionalmente à esposa a partir do diálogo sexual. Para o homem o sexo produz o oxigênio que mantém o casamento vivo.


2. Quando o esforço do homem não é reconhecido, isto impede que ele continue fazendo aquilo é importante para a mulher.

3. Todo homem quer ter ao seu lado uma esposa atraente. Uma mulher que se preocupa com sua beleza estética.


4. O homem quase sempre pensa: A ela soubesse o quanto é importante a companhia dela em meus momentos de lazer.

5. O homem tem a necessidade de se sentir cuidado.


6. O homem precisa estar certo de que está no controle. Todo marido tem prazer em proteger a mulher quando esta reconhece sua liderança.


7. Todo homem espera respeito e admiração.


8. Quando o homem está estressado e com muitos problemas para resolver, ao chegar em casa ele quer silêncio.


9. O homem tem a tendência mais para a ação do que para as palavras.


10. Nenhum homem gosta de ter ao lado uma mulher que o tempo todo tenta ensiná-lo, principalmente no carro.

11. Todo homem se irrita ao ouvir da mulher as expressões: “Você sempre...” “Você nunca faz...” “É sempre assim...”.

12. O homem sempre espera que a mulher faça da sua casa o melhor lugar do mundo para se estar.

Pr. Josué Gonçalves

segunda-feira, 22 de agosto de 2011

Meu Refúgio és Tu no Dia do Mal - Adaptação David Juan

Meu Refúgio és Tu no Dia do Mal


Charles Haddon Spurgeon


“...meu refúgio és tu no dia do mal” (Jeremias 17:17).

O caminho do cristão nem sempre é brilhante e ensolarado; ele tem suas épocas de escuridão e tormenta. É certo que está escrito na Palavra de Deus " Os seus caminhos são caminhos deliciosos, e todas as suas veredas, paz." (Pv. 3:17), e é uma grande verdade que a religião é calculada para dar ao homem tanto felicidade na terra quanto gozo no céu; mas a experiência nos diz que, se o percurso do justo é "como a luz da aurora, que vai brilhando mais e mais até ser dia perfeito" (Pv. 4:18), às vezes, então, essa luz fica obscurecida.

Em certas épocas as nuvens encobrem o sol do crente, e ele anda na escuridão sem ver a luz. Há muitos que se regozijam na presença de Deus durante algum tempo; se aquecem no sol dos primeiros estágios de sua carreira cristã; caminham por "pastos verdejantes" junto de "águas tranqüilas", mas de repente descobrem que aquele céu glorioso está cheio de nuvens; ao invés de andar pela terra de Gósen, agora eles têm que andar pelas areias do deserto; em lugar de água doce, encontram correntes tortuosas, de águas amargas, e dizem: "Se eu fosse filho de Deus, com certeza isto não aconteceria." Oh! não digas isto, tu que estás andando na escuridão.

Os melhores santos de Deus precisam beber bebidas amargas; os mais queridos de Seus filhos precisam suportar a cruz. Nenhum cristão gozou prosperidade infinita; nenhum crente pode manter o tempo todo sua harpa longe do salgueiro (Sl. 137). Talvez a princípio o Senhor lhe tenha dado um caminho suave e sem nuvens, pois você era frágil e inseguro. Ele amainava o vento para a ovelha tosquiada; mas agora que está mais forte em sua vida espiritual, você precisa ter a experiência mais madura e mais difícil dos filhos adultos de Deus.

Precisamos de ventos e tempestades para exercitar nossa fé, para quebrar o galho podre da autodependência, e para nos enraizarmos com mais firmeza em Cristo. O dia do mal nos revela o valor da nossa gloriosa esperança.


Fonte: Morning and Evening


Adaptação para Blogger: David Juan (Discípulo)

quarta-feira, 17 de agosto de 2011

O Valor do Discipulado - Por Lucas Brito

Como pregar o Evangelho de forma que os princípios fundamentais para o nosso viver Cristão não se percam no meio do caminho?



Um dos pontos fundamentais no ministério de Jesus aqui nesta terra era anunciar a mensagem da Salvação, mas já parou para pensar que esta mensagem não chegaria até si, se Ele não tivesse desempenhado algo fundamental no seu ministério, que foi o de discipulador? Como fazer com que esta mensagem de Salvação chegue a todo o mundo?


Por isso que Jesus dá grande valor ao Discipulado. Ele certamente sabia que Seu tempo era muito curto aqui, e que eram necessárias pessoas capacitadas para que a Sua mensagem chegasse até aos confins da terra. Por essa razão o Salvador deu tanto valor ao Discipulado. E quando falamos de capacitação não estamos a falar somente de conhecimento intelectual, pois Jesus não usa este critério para escolher os seus discípulos, os critérios de escolha de Jesus, por vezes, são diferentes dos nossos. Ele escolheu os que queriam pagar o preço, para estar ao Seu lado, os disponíveis, aqueles que Ele capacitaria através do Discipulado.


Muitas igrejas hoje têm descoberto o valor do Discipulado. Não adianta anunciarmos o Evangelho e conquistarmos vidas se não as discipularmos. O Discipulado é que vai realmente ajudar os novos convertidos a se firmarem na fé.


Mas como era o Discipulado de Jesus? E como colocá-lo em prática nos dias de hoje? Este é o grande desafio de todas as igrejas do sec.XXI: colocarmos em prática um Discipulado como o de Jesus. Só assim formaremos uma geração de cristãos maduros e que posteriormente irão gerar outros maduros como eles. E este é o desafio para a MCI RIO DE JANEIRO: o Discipulado é muito mais que estudar os Fundamentos da Fé juntos.


Jesus estipulou bases para um Discipulado Eficaz, e a principal delas se chama Relacionamento! E relacionamento envolve uma aliança entre discipulador e discípulo. Isto não é fácil, pois dessa forma desenvolvemos uma convivência muito próxima com quem estamos a discipular, e tal envolvimento exige de nós um desprendimento que nem sempre é o que nós queremos.

É muito mais fácil servirmos a Deus sem termos o compromisso de cuidarmos de alguém, mas não é isso que o Mestre espera de nós!

Lucas Brito - Discipulo

terça-feira, 9 de agosto de 2011

Site/Blog Oficial de Nilson Marcos V. Ribeiro: SEGUIDOR OU DISCÍPULO!

Site/Blog Oficial de Nilson Marcos V. Ribeiro: SEGUIDOR OU DISCÍPULO!: "SEGUIDOR OU DISCÍPULO! Ao ler o artigo abaixo, cujo autor eu desconheço e refletir sobre o mesmo, vem me à mente a pergunta: Sou apenas ..."

SEGUIDOR OU DISCÍPULO! HS12


SEGUIDOR OU DISCÍPULO! - HERANÇA DO SENHOR 12!


Ao ler o artigo abaixo, cujo autor eu desconheço e refletir sobre o mesmo, vem me à mente a pergunta: Sou apenas um seguidor ou um Discípulo de Jesus? Esta foi uma pergunta direta à espera de uma resposta concreta.
Quantas vezes na minha caminhada com Cristo preciso fazer esta mesma pergunta? Qual é o valor de um discípulo? Quais são as tarefas que eu tenho a desempenhar no Reino de Deus? Ouça com muita atenção e procure meditar, quem sabe no fundo da sua alma brotará a resposta.

A diferença entre o seguidor e o discípulo

O seguidor espera pães e peixes; o discípulo é um pescador.
O seguidor luta para crescer; o discípulo luta por se reproduzir.
O seguidor ganha se; o discípulo faz se.
O seguidor gosta do afago; o discípulo gosta do serviço e do sacrifício.
O seguidor entrega parte dos seus desejos; o discípulo entrega a sua vida.
O seguidor espera que lhe apontem a tarefa; O discípulo é solícito em tomar a responsabilidade.
O seguidor quase sempre murmura e reclama; o discípulo obedece e nega a si mesmo.
O seguidor reclama que o visitem; o discípulo visita.
O seguidor vale por que soma; o discípulo vale porque multiplica.
O seguidor sonha com a igreja ideal; o discípulo se entrega para fazer a igreja real.”
O seguidor diz: Que bonito! O discípulo diz: Eis me aqui!
O seguidor espera por um avivamento na igreja; o discípulo é parte do avivamento.
O seguidor é forte soldado na trincheira de defesa; o discípulo é soldado invasor da trincheira inimiga.
O seguidor é condicionado pelas circunstâncias; o discípulo as aproveita para exercitar a sua fé.
O seguidor é valioso; o discípulo é indispensável.”

É por essas e outras que, pela graça de Deus através do Espírito Santo, faço discípulos, não meus, mas de Cristo.
Alguns desses que me fizeram escrever este “Post” de forma a honrá-los são esses aqui, os quais ajudam-me em muitas tarefas em nossas células familiares.

Meus filhos na fé, faço as palavras do Apóstolo Paulo, as minhas e ministro-as à vocês: Tu, porém, meu filho, fortifica-te na graça que há em Cristo Jesus”. 2Timóteo 2.1

No Antigo Testamento a palavra graça significa favor, especialmente na frase ‘achar graça’ (Gn 6.8). No Novo Testamento é aquele favor que o homem não merece, mas que Deus livremente lhe concede, algumas vezes é posta em contraste com a lei (Rm 6.14), 




e também exprime a corrente de misericórdia divina, pela qual o homem é chamado, é salvo, é justificado, e habilitado para viver bem e achar isso suficiente para ele (Gl 1.15; Ef 2.8; Rm 3.24 -1; Co 15.10; 2 Co12.9).

Paulo orienta o jovem pastor Timóteo a fortalecer na graça que há em Cristo Jesus a fim de que possa transmitir a Palavra (2Tm 2.1,2), a sofrer como um bom soldado (2Tm 2.3-5; 8-9) e a suportar todas as coisas por amor (2Tm 2.10).




Paulo sabia que somente pela graça de Deus em Cristo Jesus era possível se fortalecer para resistir as ciladas do diabo (Ef 6.11) e cumprir bem o ministério (2Tm 4.5).


Vivemos dias que precisamos buscar força na graça do nosso Senhor Jesus Cristo para resistir as provações e as astutas ciladas do diabo. Não há outra forma do crente se fortalecer que não seja por meio da Palavra de Deus, jejum, orações e súplicas (1Tm 2.8).


São esses e outros mais, os discípulos que Deus tem me dado para cuidar e para ensinar sobre o Reino de Deus.




Cada um deles tem uma função no Reino, são escolhidos de Deus e Herança do Senhor.
Cada um ocupa um lugar muto importante na Grande comissão!





Discípulos de Cristo Jesus!


































Meu nome é Nilson Marcos Ribeiro, casado e muito bem casado com Rocivana Santos Ribeiro; líder de células e missionário, servo, adorador, levita e músico no Ministério Voltados Para Tí, Geração Voltada para Tí e MVT worship Ministry e na Primeira Igreja Batista em Icoaraci(PIBI), compositor e owner at Kayros12 AgênciaWeb, Sócio-Proprietário da Jovem informática Ltda, cooperador em músicas e traduções dos Sites cifras.com.br e letras.mus.br.


Graça e Paz em Cristo Jesus, Senhor nosso!

sexta-feira, 5 de agosto de 2011

Acima dos ventos e das tempestades

Quero ir mais alto, voar sobre as nuvens, acima dos ventos e das tempestades. Quero ver Tua glória manifesta em minha vida e tudo o que há em mim engradeça o Senhor." Acima dos ventos - Com. Evang. de Maringá.


Amados e Amadas em Cristo, graça e paz da parte de nosso Senhor Jesus Cristo.

Essa canção da Comunidade Evangélica de Maringá tem ministrado esses dias em meu coração um quebrantar do Senhor Deus na minha vida e gerado uma dependência extrema nEle.
Os dias são maus e a cada momento vemos coisas espantosas acontecerem.
Acordei quando esse Ministério abençoado estava cantando no Programa do Pr. Silas Malafaia.
Algo dentro de mim impulsionou-me a refletir mais e mais na cruz de Cristo, no Seu sacrifício.

Esses dias de agosto de 2011 tem sido dias desafiadores! Tenho dormido e acordado pensando em tantas situações e olhado que muitas delas nos proporcinam crescimento espiritual e outras de fato, feitas para nos destuir.
Sao tantas situações que vivemos, tantas guerras para travar, tantas lutas mas, Deus sempre prova Seu inefável amor por nós.
E após ouvir esta canção, sentí dentro de mim uma vontade grande de chorar pela presença do Grande EU SOU, querendo e desejando poder abraçá-LO.
A saudade do céu é tanta que me apego a cada palavra que Jesus ensinou e nas Suas promessas.
Precisamos a cada dia desejar ir mais alto na presença de Deus para podermos experimentar e viver o sobrenatural, voar sobre as nuvens, nuvens de problemas, de situações adversas, de extrema sequidão espiritual. Precisamos voar acima das tempestades que nos perturbam e tentam nos abater.

Temos que desejar Querer ver a glória de Deus e ter Seu nome engrandecido em nós, sobre nossos ministérios, vida espiritual, familiar, afetiva, financeira, sobre a vida de nossos líderes e discípulos.
Precisamos nos apegar à Jesus Cristo, o Filho de Deus, pois como diz Sua palavra: "Porque não temos um sumo sacerdote que não possa compadecer-se das nossas fraquezas; porém, um que, como nós, em tudo foi tentado, mas sem pecado."
Hebreus 4:15.

Esse mesmo Jesus é poderoso para nos ajudar, nos levantar e entender o que passamos aqui. Ele sabe que os dias são de calamidades e provações, mas Deus conhece aqueles que são Seus e os guarda. "Sabemos que todo aquele que é nascido de Deus não peca; mas o que de Deus é gerado conserva-se a si mesmo, e o maligno não lhe toca."
1 João 5:18.

Nesse meio tempo, tenho estado com meus filhos na fé e chorado com eles na presença do Senhor.
Eles tem sido verdadeiros príncipes lutando ao meu lado e é claro que minha princesa, Rocivana Ribeiro tem lutado e perseverado também até que esse momento todo se passe.

São tantas as pessoas que se levantam contra os propósitos de Deus em nossas vidas. Seus planos não podem ser frustrados, assim diz Sua palavra.
Acredito que pedras são apenas jogadas em árvores que dão frutos e bons frutos. Meus filhos na fé tem mostrado amadurecimento, bom caráter, afetivos com todos, conhecedores da palavra de Deus, discipuladores, amantes e amigos de Deus. Estão a cada dia aprendendo a lutar adestrados na escola do Espírito de Deus.

Vou terminado esse breve relato do meu cotidiano com as palavras do Apóstolo Pedro: "Lançando sobre ele toda a vossa ansiedade, porque ele tem cuidado de vós."

1 Pedro 5:7

Shalon Adonai

Nilson M Ribeiro
Servo

quarta-feira, 18 de maio de 2011

Rede de lojas brasileira só contrata evangélicos e desconta os 10% do dízimo do salário dos funcionários

Funcionários de uma grande rede de lojas de Porto Velho são obrigados pelos patrões a pagar dízimo para uma igreja evangélica. Segundo denúncia feita a O Estadão, mensalmente, cada empregado tem 10% do salário repassado aos cofres da tal igreja. A contribuição é regra fundamental para que o funcionário se mantenha no emprego.

Um candidato funcionário do grupo, que diz ter sido dispensado ainda na entrevista para emprego por não ser evangélico, relata que por ter um bom currículo foi convocado para passar por um processo de seleção em uma loja de eletrodomésticos. Durante a entrevista com o empregador, segundo ele, a primeira pergunta foi sobre sua religião. Ao dizer que era católico, foi eliminado de imediato. O empregador ainda fez questão de dizer que a empresa contrata, apenas evangélicos.

O candidato diz que esta não é a primeira vez que passa por tal situação. Em outras lojas já foi preterido por causa da religião e por isso resolveu denunciar. “Nos últimos meses a eliminação e as perguntas sobre religiosidade se tornaram frequentes. Na minha opinião os evangélicos estão tomando conta do comércio e discriminam outras denominações”, reforça.
Desempregados confirmam exigência

Outros fiéis da igreja católica também enfrentaram problemas para contratação em lojas da cidade. “Eles nos chamam pelo curriculum, mas na hora da entrevista, esquecem a experiência. Eu posso ser melhor que o outro candidato, mas por ser católico, não consigo o emprego”, conta indignado outro candidato a emprego.

Injusto

Quem frequenta a mesma igreja também se diz indignado com a situação, apesar de não ter sentido na pele o preconceito. “Não consigo acre-dita que esse tipo de problema possa estar existindo. É injusto o que fazem, principalmente em relação a emprego”, reforça.

Fonte: http://noticias.gospelmais.com.br/lojas-evangelicos-desconta-dizimo-salario-18522.html

Mulher teria vomitado uma cobra após receber unção com óleo

Testemunhos de cura “diferentes” são comuns na Igreja Universal e um dos novos anunciados pela IURD não foi diferente. Segundo a igreja liderada por Edir Macedo, uma fiel teria vomitado uma cobra em um dos templos da denominação após receber uma unção com óleo consagrado em Israel pelo Bispo.

A história teria acontecido na Jamaica durante a Páscoa, a jovem Clarke afirma que a três anos sentiu que alguma coisa estava se mexendo em sua barriga: “Tinha certeza que não estava grávida”, disse. Após exames foi constatado que ela estaria com mioma, mas os remédios não funcionaram: “Era muito desconfortável e estranho, eu sentia fortes dores em meu abdome”. A Igreja Universal afirma que ela estava com vários encostos devido a um trabalho feito contra ela.

De acordo com Clarke o que havia dentro dela só parou de mexer após começar a frequentar as correntes de oração do grande templo da Igreja Universal na Jamaica, “mas ainda não me sentia satisfeita”, afirma.

A jovem compareceu recentemente ao templo da Igreja Universal e após “unção com óleo consagrado em Israel” a surpresa teria acontecido. Segundo a denominação, ainda dentro do templo, Clarke teria visto um caroço surgir em seu abdomem e percebido novamente a movimentação – agora mais forte – de algo dentro de si: “Senti um desejo enorme de expelir aquilo, quando então corri para o banheiro da igreja e comecei a sentir algo subindo pela minha garganta”, ela vomitou uma cobra no banheiro do templo da Igreja Universal, segundo a denominação.

“Puxei com minhas próprias mãos porque queria ficar livre daquilo, fiquei em choque quando, sem esperar, vi uma cobra sair de dentro de mim”, afirma Clarke.
Ainda segundo o relato, após o acontecimento uma obreira da igreja pegou a cobra e a colocou em um saco plástico.
Segundo Clarke e a Igreja Universal após supostamente expelir o réptil, a jovem ficou curada e não teve mais o desconforto que sentia durante três anos: “Já não existiam mais aqueles movimentos terríveis. Estou completamente liberta e curada para a glória do Senhor Jesus”, afirma ela para um dos veículos de imprensa da Igreja Universal.

Fonte: http://diariogospel.com/capa/mulher-teria-vomitado-uma-cobra-apos-receber-uncao-com-oleo/

quarta-feira, 11 de maio de 2011

Procuram-se: Discípulos Verdadeiros

Seguir-te-ei para onde quer que fores." Essas foram as palavras de alguém que veio a Jesus e garantiu ser seu discípulo (Lucas 9:57). Antes de aceitar sua oferta, Jesus informou-o de que o custo do discipulado seria alto.

Ele observou que as raposas e as aves têm lares, mas o Filho do Homem não tinha nem lugar para repousar sua cabeça! Aqueles que queriam ser discípulos de Jesus partilhariam suas privações (Lucas 9:58).

Nem todos têm o adequado empenho para serem discípulos de Jesus, para pagar o alto preço do discipulado. Na mesma ocasião, Jesus desafiou outro a segui-lo. O homem pediu permissão para enterrar seu pai, mais provavelmente um pedido para protelar a saída de sua família. A resposta de Jesus, "Deixa aos mortos o sepultar os seus próprios mortos" (Lucas 9:59-60), pode parecer insensibilidade, mas seu ponto era que o discipulado precisa ocupar o primeiro lugar em nossos corações. Jesus não estava proibindo o cuidado legítimo com a família (veja Efésios 5:22-25; 6:1-4), mas salientando que nenhuma outra responsabilidade pode impedir o discipulado.

Ainda um outro garantiu ser um discípulo, mas desejava permissão para dizer adeus a sua família, primeiro. Conquanto não fosse um desejo de protelar do mesmo modo, sua atitude evidentemente era muito semelhante à do homem que pediu permissão para sepultar seu pai. Jesus respondeu à sua atitude antes que ao seu pedido real. "Ninguém que, tendo posto a mão ao arado, olha para trás é apto para o reino de Deus" (Lucas 9:61-62).  
Uma vez que temos começado a servir Jesus, para segui-lo a onde ele nos leva, não há retorno. Precisa-mos voltar nossas costas ao mundo e fixar nossos olhos em Jesus (veja Hebreus 12:1-2). Os hesitantes, os descomprometidos, os vacilantes não podem ser discípulos de Jesus. Não são dignos de ser súditos no reino de Deus.

Não adequados ao reino de Deus. Estas são palavras sóbrias, mas nos informam claramente que Jesus não está apenas procurando quem quer que decida, numa veneta, ser batizado. Ele não está procu-rando os talentosos, os influentes ou os ricos. Ele está buscando indivíduos absolutamente comprometidos a servi-lo. Somos nós adequados para sermos discípulos de Jesus?

-por Allen Dvorak
Extraído do Site: www.ejesus.com.br 

Sem vergonha e sem medo para pregar e anunciar!

"Quando olhei aquela cena, me emocionei, por que havia pensado comigo: está valendo apena sim, eles estão pregando a Palavra de Deus e fazendo discípulo pela causa de Cristo!"


Depois de algum tempo trabalhando com discípulos e ensinado-os a guardar os mandamentos de forma a colocá-los em prática, é comum, observar o crescimento deles em nossas células. Como se destacam e aprendem rápido!


Na segunda semana de maio de 2011, presenciei algo que me deixou muito feliz: David Juan, Danilo Magalhães e Thiago Pereira estavam pregando a Palavra de Deus, sem medo, sem vergonha e com desenvoltura!


Bem, você pode dizer, "eu também faço isso". Mas, para jovens adolescentes que tinham vergonha de falar em público ou até mesmo de ler um pequeno texto à frente de um grupo é realmente muito difícil, haja visto que não aprenderam como se fazer ou até mesmo não foram acostumados pela família e nem pela escola.


Ver o desempenho de cada um, como se destacam e ainda como se comprometem com o Reino de Deus é muito gratificante. Posso entender que desta forma tanto o discípulado quanto todo esforço feito deram e estão dando certo.


Sabem eles, que com chuva ou sem, se marcamos, estamos lá em prol do Reino de Cristo.


Abaixo, existe um texto que extraí de um site e que me arremete a pensar da mesma forma e que lembra com exatidão, alguns de nossos estudos.


“Contudo, não vos alegreis porque se vos submetem os espíritos; alegrai-vos antes por estarem os vossos nomes escritos nos céus.” Lucas 10:20
Muitas situações trazem alegria aos nossos corações! Um novo emprego, uma cura, um relacionamento amoroso, enfim, inúmeras situações que nos agradam podem trazer alegria às nossas vidas! E muitas destas situações nos motivam a continuar em rumo à santificação, em busca de uma intimidade com o Deus todo poderoso em quem nós cremos. Mas hoje eu gostaria que mergulhássemos em nossos corações e perguntássemos qual é a situação, qual é a real motivação em estarmos buscando a face do nosso Deus?
Muitas pessoas buscam a Deus para resolver seus problemas, outras buscam a Deus para ter mais poder, outras buscam a Deus para ter cura. E estas buscas não estão erradas, porém, será que se
ficarmos baseados nestas buscas que estão focalizadas na vida terrena, teremos a verdadeira alegria?
O texto de Lucas 10 fala a respeito de missões. Os discípulos estavam sendo enviados a colocar em prática aquilo que haviam recebido de Jesus. O mestre estava designando seus discípulos a curar, a pregar a Palavra de Deus, a expulsar demônios, a realizar a obra do Senhor. E diante de todas as façanhas que os discípulos
realizaram em nome de Jesus, os mesmo ficaram muito alegres, realizados, principalmente no que diz respeito a expulsar demônios.
Aqueles homens depositaram sua alegria em situações terrenas, em momentos específicos.
Entretanto, Jesus lhes advertiu para que a alegria dos corações deles não ficasse firmada nestes momentos estanques, mas que fosse direcionada ao fato de que os nomes deles estavam escritos nos céus. Será que a nossa alegria de viver e a nossa motivação não tem estado mais direcionado as coisas passageiras do que às eternas?
O grande perigo que eu vejo é que quando a minha alegria se prende a algo terreno e momentâneo, e esta situação (este algo) termina, a tendência é que a minha alegria termine junto com a situação. Mas quando a minha alegria, independente das circunstâncias, independente dos momentos do dia-a-dia, está firmada naquilo que é eterno, o fato do meu nome estar escrito nos céus, tudo pode ruir ao meu redor e ainda assim eu continuarei na esperança e na motivação correta de que um dia estarei com Senhor!!!!
Que Deus continue nos ajudando a mantermos a motivação correta, e que tenhamos a alegria eterna de sabermos que os nossos nomes já estão gravados nos céus.



Autor do texto em Itálico: Paulo Rogério de O. Cruz
Parte extraída do Site: www.ejesus.com.br

quinta-feira, 28 de abril de 2011

Entenda O significado de usar Piercings

Entenda O significado de usar Piercings



Mais um adorno ou uma porta aberta para a corrupção da alma e do corpo?




Nestas últimas duas ou três semanas, fiquei impressionado com a inquietação surgida à respeito de piercings e tatuagens. O que está por detrás da moda da sociedade moderna na qual estamos mergulhando?


Pesquisei sobre o assunto e com a ajuda de um amigo, descobri coisas importantes à respeito do tal "adorno" para o corpo.


Mais do que a tatuagem, embora possa ser removido, o piercing é considerado mais agressivo do que a tatoo. Assim como a tatuagem, ele também tem origem nos povos antigos e está ligado à rituais espirituais da Índia, da Indonésia e tribos da África. Foi esquecido na Europa do séc. XX e retornou como "moda" pelo movimento Underground no nosso século.


O problema é que, além de ser um ato agressivo para o nosso corpo, ele tem significados espirituais. Ainda que hoje, o piercing está sendo usado como acessório fashion, parte da moda atual, contudo, sua origem não é tão simples.


Até mesmo os artigos seculares à respeito do piercing, admite seu "sinônimo de agressividade, assim como a tatuagem, ele também é uma tentativa da individualidade, uma tentativa de sair da identidade familiar para a grupal." - revista Galileu.


"Fruto do exibicionismo, da loucura ou da simples vontade de se ornamentar, os anéis corporais foram trazidos da cultura underground da costa da Califórnia (USA) e do universo sadomasoquista, por jovens que viram nele uma nova forma de exaltar o corpo e as suas zonas erógenas. Outrora os anéis corporais tinham conotações sagradas, dramáticas e classicistas. Para alguns povos primitivos era uma prática clandestina, utilizada tanto para preservar a castidade, como para provocar a estimulação sexual." - Carmem Martin


"Nos templos Astecas e Maias, os sacerdotes faziam piercings em suas línguas como parte de um ritual de comunicação com os deuses." - História do Piercing.

Um dia desses entrei num site gospel e pesquisei num fórum, a opinião de alguns jovens cristãos, fiquei surpresa ao conferir uma das respostas "não vejo mal algum, Rebeca usava piercing..." - referindo-se ao fato do servo de Abraão presenteá-la com pulseiras e colocar em seu nariz uma argola - Gên. 24:22, 30 e 47. Mas precisamos entender bem isso, para não distorcermos a Palavra do Senhor - o servo de Abraão tinha sido encarregado de encontrar uma esposa para Isaque. Ele pediu à Deus um sinal à respeito daquela que Deus tinha separado para Isaque e o Senhor respondeu conforme ele pediu. Os presentes dados à Rebeca significavam que ela tinha sido escolhida, em especial a argola no nariz, foi usada como símbolo de posse, de domínio. Era como se o servo de Abraão dissesse à todos daquela região "homens, tirem seus olhos desta moça porque à partir de agora, ela pertence a alguém". Logo depois, Labão, irmão de Rebeca, vendo o pendente no nariz dela e as pulseiras em suas mãos, sai imediatamente para saber o que tinha acontecido, para saber quem a tinha escolhido.


Confira parte do artigo sobre o piercing, de Breno Amaral:

Todos os Piercings são dedicados a deuses e/ou ídolos regionais e territoriais. A partir do momento que você coloca um Piercing em seu corpo está aberta a porta para atuação demoníaca, mesmo que você não queira ou não saiba que isso vai acontecer. O diabo não está nem um pouco interessado em saber qual é a sua intenção, ele não quer saber se você sabe ou não o significado do que você está fazendo; ele apenas usa suas artimanhas para se apoderar da sua vida.


Portanto, vou explicar um pouco dos significados dos Piercings nas partes do corpo mais comumente utilizados.


 O Piercing colocado no nariz significa DOMÍNIO e seu sentido no mundo espiritual é uma distorção do caráter e um direcionamento que causam rebeldia e uma autoconfiança muito exacerbada.


 O Piercing nas sobrancelhas dá vazão para um APRISIONAMENTO DA MENTE, causando um bloqueio na mente de quem os usa. Para essas pessoas nada tem grande importância principalmente na vida espiritual.


 O Piercing nas orelhas, muito comum, significa APRISIONAMENTOS EM ÁREAS ESPECÍFICAS do corpo, podendo ser bloqueio do sistema nervoso, sistema simpático e sistema parassimpático. As pessoas que os usam podem sofrer de problemas na coluna, útero, alterações de libido e personalidade e, também, alterações genitais.


 Um dos piercings que estão mais na "moda" é colocado no umbigo. Este está na área destinada a ALIMENTAÇÃO. Serve como um local de canalização de espíritos satânicos no corpo de quem os usa. Ele representa a exposição do corpo, visto que as pessoas que os usam gostam de deixá-los à mostra.


 O Piercing nos lábios significa um DOMÍNIO NA FALA; assim como o que é colocado na gengiva. As pessoas que os usam estão propensas a ter insegurança nessa área, dificuldades para uma boa comunicação, etc. Seu significado na vida dessas pessoas é como de um cabresto e pode ser representado na forma de gagueira. A diferença entre o colocado nos lábios e o que é colocado na gengiva, é que o segundo representa a LUXÚRIA.


 O Piercing nos órgãos genitais traz como significa principal a PROSTITUIÇÃO. Ele pode causar um estímulo intra-uterino para atuação de espíritos nessa área causando esterilidade e outros problemas nas mulheres e, também, nos homens. Ele traz uma atuação na vida das pessoas que o utilizam.

Bem, significa que todas as pessoas que você vir com esses tipos de piercings estarão manifestando esses sintomas que foram ditos? Não, nem sempre. Mas digo que, com certeza, no mundo espiritual elas estão aprisionadas de alguma forma por essas marcas que elas carregam no corpo. (...)

É simples analisarmos tudo isto, basta um pouco de ponderação e perceberemos que não precisamos adotar tudo o que a moda nos oferece.


Somos separados, uma geração chamada sim para ser extravagante, mas nossa extravagância deve ser expressa à respeito do que nós recebemos do Senhor e do nosso amor por Ele, da nossa busca por Sua santidade. Não necessitamos expressar nossa individualidade e ideais em nosso corpo de forma tão agressiva, afinal, nosso corpo não nos pertence, mas sim ao Senhor.


Fontes de Pesquisa:


Revista Galileu (http://galileu.globo.com/)


Matéria no site (http://www.ics.ul.pt/investiga/projectos/opj/est_monog.htm#Exp)


Carmem Martin(http://www.alem-mar.org/ecclesia/artigo_fc.asp?cod_artigo=135543)


História do Piercing (http://www.anjossonhadores.hpg.ig.com.br/index.html#Historico)


História do Piercing (http://www.piercingtatu.hpg.ig.com.br/tpier5.html)


Piercing, beleza que aprisiona a alma e o espírito - Breno Amaral


http://www.lagoinha.com/monta/monta.asp?pagina=http://www.lagoinha.com/noticias/ver_materia.asp?codnoticia=7393